Menu


Top músicas

1Xandy Avião
Nota Dez
2Bruno Barreto
Bruto Mermo
3Ivete Sangalo, Melim
Um Sinal
4Luan Santana
Sofazinho
5Luan Estilizado
Beleza, valeu
6Wesley Safadão
Só Pra Castigo
7Bruno & Marrone
Beijo de Varanda
8Maiara Azevedo
Buá Buá
9Pericles
Logo de Manhã
10 Projota
A Voz e Violão
Verificação
informe os caracteres da imagem
PROJETO INOVADOR GARANTE RESULTADOS POSITIVOS PARA RÁDIO ESTRELA WEB E PARA O SEU IDEALIZADOR "JORGE SILVA"

Um ano de conquistas e de realizações. Assim foi o 2018 para Rádio Estrela Web e seu idealizador Jorge Silva. As barreiras derrubadas e a caminhada segue firme e forte com as bênçãos do Senhor Jesus.
Sabemos que nada neste mundo é fácil ou vitorioso sem que se enfrente uma batalha a cada dia. Sabemos que sem Deus não somos absolutamente nada e apesar de todos os esforços individuais não chegamos a lugar algum. Com o crescimento do Projeto de Comunicação do Repórter Jorge Silva quem mais ganhou foi o internauta que fica atualizado de pontos importantes de Bragança, no Pará e parte da Região Nordeste Paraense, através do Programa do Foca na Web.
Este passo do projeto é inovador e vem conquistando acessos a cada edição. Tudo isso pela simplicidade e dedicação da equipe da Rádio Estrela Web, que busca parceria para oferecer uma opção as milhares de pessoas que navegam pelas redes sociais e que precisavam de um incentivo especial.
Foram meses de análises e pesquisas até que se decidiu pelo Programa do Foca na Web e a aposta sem dúvida está garantindo resultados surpreendentes. Faça parte desta constelação e vamos juntos oferecer sempre novidades para os nossos amigos internautas.
Obrigado em nome do Senhor Jesus a cada um e à todos pelo carinho e acesso. Abraço do seu amigo Jorge Silva (O Foca)

TV MANIA VAI GANHAR REFORÇO ESPORTIVO

A garantia foi dada pelo gerente Jad Sousa e o programa que vai cobrir o esporte na região começa a ser apresentado a partir do dia 03 de dezembro. Milson Meneses será o ancora. Não Perca!

LADRA DETIDA APÓS MAIS UM CRIME

Denna é o vulgo da suspeita. Último crime arrombamento e furto deixou um prejuízo a uma família na aldeia de mais de 10 mil reais.

NR TURISMO GARANTE SEGURANÇA E LAZER

O promotor de viagens Neto Rosendo está agendando mais uma turner. Você é o protagonista principal deste evento cercado de garantia e confiança de bons resultados para você e sua família, Serão três dias e um paraíso aguarda por você.

Através do post você entra em contato.

CASO JAIRO SOUSA

Polícia fecha o cerco, seis meses após o crime que tirou a vida do Radialista na cidade de Bragança e apresenta resultados significantes para familiares e sociedade. Em vida, Jairo Sousa combatia as falcatruas de empresas e gestores na Região Bragantina. O atirador e o intermediário entre o mandante e o matador já estão presos.
HOMEM É COVARDEMENTE ATACADO E TEM CORPO ALVEJADO POR GOLPES
O final da madrugada de domingo foi sangrento no interior do Município de Tracuateua, no Nordeste do Estado do Pará. Segundo o que foi apurado pela produção da Rádio Estrela Web, junto a um dos familiares da vítima na Recepção do Hospital Santo Antonio em Bragança, por pouco Francisco Pereira da Silva não foi morto pelos desconhecidos.

Ele retornava para a casa da família quando foi atacado por uma dupla até agora não identificada e golpeado a peso de terçado por várias vezes. Os golpes atingiram e deixaram ferimentos profundos nos pés, no joelho esquerdo, coxa esquerda, nas costas, nos braços e nas mãos, além da cabeça do agricultor. Ele seria deficiente o que facilitou ser alcançado após tentar fugir dos algozes.

Ele estava ganhando o dinheiro dele de forma honesta e foi agredido covardemente. Ele retornava da casa de uma família que deixou sua residência para ir à uma festa e ao retornar a família dispensou os serviços do colaborador, que resolveu ir para sua casa e no caminho por pouco não encontrou a morte. Os desconhecidos estavam dispostos a tirar a vida de Francisco que foi salvo por populares que ouviram os gritos de "socorro" e foram até o local.

Os desconhecidos abandonaram a vítima coberta de sangue e tomaram rumo ignorado. Populares foram responsáveis em prestar atendimento à vítima que foi encaminhada para o Hospital municipal de Tracuateua e consequentemente transferida para o Pronto Socorro do Hospital Santo Antonio. Segundo o acompanhante da vítima, Francisco corre o risco de perder um dos pés por conta dos golpes e seu estado de saúde inspira cuidados.

REDAÇÃO: Jorge Silva

AROLDO LAMEIRA É MORTO

Ele era assessor parlamentar na Câmara de Vereadores de Belém e um dos mais atuantes repórteres policiais do Estado do Pará. Era administrador de vários grupos de notícias e acompanhava as principais operações policiais na Região Metropolitana de Belém e até no Interior do Estado e ao defender seu pai de uma investida de bandidos foi alvejado e morto na porta da casa dos seus pais, em Belém. O corpo do Assessor e Repórter Policial foi sepultado na manhã de terça, 20 de novembro em Belém. A Polícia instaurou inquérito para apurar a autoria do crime.

BRAGANÇA DE DESPEDE DE VÍTIMA DE ACIDENTE


O corpo de jovem José Henrique Vieira Sousa de 33 anos de idade foi sepultado na tarde desta terça-feira, em um dos cemitérios na cidade de Bragança, cidade onde nasceu e infelizmente veio a óbito após tentar soltar de um ônibus desgovernado e ter o corpo esmagado durante ser prensado entre o Coletivo e um poste. O acidente foi registrado nas primeiras horas da manhã de segunda-feira, 19 de novembro na Avenida Mendonça Furtado, Bairro do Riozinho.

Ele estaria ao lado de alguns familiares e até de uma filha de 16 anos, que segundo testemunhas, teria pedido para que o mesmo não arriscasse a vida pulando com o carro em movimento, mas não foi atendida. Henrique decidiu por conta própria pular do ônibus e não teria atentado para a aproximação de um poste, com o carro desgovernado seguindo em direção a estrutura de concreto, prensando seu corpo e provocando sua morte.

O ônibus pertencente a Empresa Trans Nogueira retornava de uma viagem que durou o final de semana para a Comunidade do Araí, distante de Augusto Corrêa (Cidade) aproximadamente 50 quilômetros. O carro teria parado próximo ao Trevo para o desembarque de um grupo de passageiros, quando começou a descer de ré e literalmente sem controle. Houve desespero entre os ocupantes do ônibus e gritaria.

Foram pouco mais de dois minutos de descida entre o Trevo e a passagem Argentina Pereira, até o motorista decidir jogar o carro contra a traseira de um caminhão que estava estacionado as margens da Avenida, quando o rapaz também resolveu pular do ônibus e foi prensado. Um (1) metro e meio depois, o carro parou. O corpo de Henrique foi removido ao IML de Castanhal. O motorista teria sido atendido no local por uma equipe do SAMU e encaminhado à um Hospital da Cidade. Ele foi apontado como grande salvador da situação crítica e evitou que muitas outras vidas pudessem ser perdidas por conta de pane mecânica do veículo.

VISEU VAI ÀS RUAS PARA HOMENAGEAR A VIRGEM SANTÍSSIMA DOMINGO

O final de semana será especial para o povo católico da cidade de Viseu, distante de Belém 330 quilômetros. É que no domingo, 18 de novembro, as ruas da Cidade Sentinela do Gurupi serão tomadas de romeiros, devotos e fiéis de Nossa Senhora de Nazaré, por ocasião de mais uma edição do Círio em louvor a Mãe do Senhor Jesus.

No final de semana, 11 de novembro, aconteceu a apresentação do Manto que a pequena imagem vai usar durante o grande evento (Círio 2018). A celebração foi presidida pelo Bispo de Castanhal, Dom Carlos Verzeletti e Pároco da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré de Viseu, Padre Fagner.

Sexta, dia 16 de novembro, vai acontecer o Círio Fluvial. As homenagens dos pescadores vai começar no Proto da comunidade de Samauma até a chegada no Trapiche Municipal. Após a chegada acontece a Procissão com destino a localidade de Chapada.

Às 16 horas Missa e em seguida Carreata saindo da Comunidade de Chapada até a Igreja Matriz com bênçãos aos veículos e Santa Missa. As 21 horas Concurso Rainha do Círio 2018.

Sábado, 17 de novembro, 08 horas Batizado na Igreja Matriz. Às 14 horas Missa Campal em frente a Igreja Matriz e em seguida trasladação de Nossa Senhora de Nazaré para a Comunidade de Nossa Senhora de Fátima. Após a Trasladação Show Católico com As Irmãs Pequeninas.

Domingo, 18 de novembro, às 07 horas da manhã - 97º Círio de Nossa Senhora de Nazaré saindo da Comunidade Nossa Senhora de Fátima  até a Igreja Matriz de Nossa Senhora de Nazaré.

NOSSA SENHORA DE NAZARÉ, PELA INTERCESSÃO DE MARIA, SEJAMOS CONSTRUTORES DA PAZ!

CARATATEUA: POLÍCIA FECHA INQUÉRITO COM ASSALTANTES PRESOS

O terceiro e último suspeito envolvido no assalto contra uma Distribuidora de Gás de Cozinha e um Caminhão da mesma empresa foi preso no início desta semana pela Equipe da Delegada Emanoela Amorim após ser vítima de uma acidente automobilístico. O suspeito perdeu o controle da direção da moto que conduzia e se chocou com a estrada de terra.

Ferido e com o choque concentrado na região da cabeça, por conta da ausência de um dos principais acessórios de segurança de um motociclista, Capacete, Renildo Amorim, que atende pelo apelido de "Louro" foi socorrido e encaminhado por populares para o Hospital Santo Antonio, em Bragança. Durante está sendo atendido, a recepção da casa de saúde desconfiou dos vários nomes que eram apresentados pela mãe e possível companheira do suspeito e a Polícia Civil foi acionada, uma vez que nenhuma das identificações batiam com o Sistema de Cadastro do HSAMZ.

Renildo, o Louro, foi reconhecido de cara pelo Policial Civil e encaminhado após os atendimentos para Unidade Integrada de Polícia, onde devidamente comunicado da Prisão Preventiva que estava em aberto, assinou e foi posto à disposição da Justiça. antes de ser preso, Renildo negou participação no assalto e afirmou desconhecer Piu e Anderson Silva, outros envolvidos no assalto que ocorreu no dia 23 de junho em Caratateua. A versão do suspeito não convenceu as autoridades em Bragança que cumpriram a Decisão Judicial e conduziram o assaltante para o xadrez.

BRAGANÇA: HOMICÍDIO NO BAIRRO VILA SINHÁ

A vítima inicialmente não fora identificada pelas autoridades policiais, Guarnição do 33º Batalhão presente no local de crime, que fica as proximidades do muro do Cemitério Campo da Saudade, no Bairro Sinhá em Bragança.

Segundo as informações de populares que residem próximo ao local da execução do desconhecido, foram vários estampidos de disparos de arma de fogo e não seria arma de fabricação caseira. Ainda segundo o que a nossa produção está apurando, houve uma rápida discussão, seguida dos tiros e depois uma moto deixando o local.

Ninguém foi visto deixando o local, ou identificado, até o momento. A vítima deve ser identificada nas próximas horas. O crime se deu por volta de 01:20 da madrugada desta quinta-feira, 15 de novembro.

FORAM 10 ANOS DE ESPERA

Antonio Sérgio Barata foi condenado após mais de 15 horas de julgamento em Bragança do Pará. O crime cometido por ele teve como vítima uma criança de apenas 4 anos de idade. Pethrus Orozco foi raptado da casa dos avos maternos em 19 de abril de 2008 e horas após ter sido retirado da casa, localizada na Avenida Marechal Floriano Peixoto, teve a vida ceifada pelo acusado.

Antonio Sérgio por conta de seu comportamento perdeu o cargo e acabou sendo exonerado de Oficial de Justiça do Tribunal de Justiça do Estado (TJE). Foi preso por mais de seis (6) anos na Cadeia Pública de Marabá, por estupro. Sendo que cometeu outros crimes em Rondon do Pará contra adolescentes.

Com características de psicopata, o acusado, lá, conseguiu se safra dos julgamentos entrando com recursos o que provocou prescrevendo os crimes diante dos prazos. Em Rondon do Pará, o assassino de Pethrus estuprou duas jovens e matou uma delas.

Para tentar fugir do Juri Popular em Bragança, o acusado tentou transferir o local do julgamento e que pretendia realizá-lo fora da  cidade onde cometeu o crime, sabendo que a comoção provocado pelo seu ato revoltou a comunidade bragantina. Sérgio encontrou barreiras e duas difíceis situações para alcançar êxito no seu objetivo, os Promotores de Justiça Dr. Bruno Beckembauer e Daniel Barros (Acusação).

Para sua defesa, alegando não ter condições de arcar com um advogado, escolheu um Defensor Publico, Dr. Rennan França (Excelente Defensor), mas apesar de todas as tentativas, o réu foi condenado e pegou 33 anos de prisão, inicialmente em regime fechado. Uma vitória para família do garoto e para a cidade de Bragança.

ASSALTO E NENHUM PRESO

As autoridades do Estado do Pará aparentemente estariam envolvidas em mais um mistério a ser desvendado no interior do Estado, o assalto contra a Agência do Bradesco em Cachoeira do Piriá, no Nordeste Paraense. Segundo os levantamentos, mais de oito homens estiveram envolvidos na ação criminosa que deixou em pânico a população daquela pequena cidade.

A quadrilha invadiu a cidade por volta das 23: horas e por mais de 45 minutos esteve envolvida no roubo a banco sem ser incomodada pelas autoridades policiais. Escudos humanos foram usados pelos bandidos. Cidadãos que estavam transitando normalmente naquela noite pelas ruas de bairros que dão acesso a região central da cidade.

O valor levado pelos assaltantes não foi divulgado e até agora, quase uma semana depois, nenhum bandido preso. O estilo Novo Cangaço vem promovendo lucros para quadrilhas especializadas em assaltos contra bancos no interior do Estado.

PARTE DO BANDO PRESA HOJE

ASSALTO EM VISEU E BANDIDOS PRESOS EM BRAGANÇA

Uma denúncia anônima levou policiais militares a um endereço localizado no Bairro Riozinho, em Bragança e provocou a queda de parte do bando que esteve em ação criminosa contra a Agência do Banco do Estado do Pará na cidade Viseu, distante de Belém 330 quilômetros. No estilo Novo Cangaço a quadrilha invadiu a cidade e fez reféns e provocou terror e pânico para clientes e moradores da Sentinela do Gurupi.

Com reféns servindo de escudo humano, o bando deixou a cidade e desapareceu. Uma Força tarefa entre policiais de diversos segmentos da Polícia no Estado e Federal foi colocada em campo, mas sem nenhum resultado. No final da manhã desta quinta-feira, 15 de novembro, o plano de fuga para deixar a região bragantina foi colocado em prática, mas não deu certo para esses suspeitos.

GTO Bragança e outras barcas do 33º Batalhão da Polícia Militar foram responsáveis por prender os três homens e duas mulheres. Com a residência cercada, os bandidos ameaçaram uma reação, mas depois resolveram se entregar. Parte do que foi roubado no assalto contra a Agência Bancária foi recuperada, além de armas e munições.

QUADRILHA APOSTOU ALTO


Com as apreensões provocadas em Bragança, a Polícia tem certeza que o armamento utilizado pelo bando era de grosso calibre. Balas de fuzis foram apresentadas juntamente com os suspeitos presos no Bairro do Riozinho.

Outro ponto que a Polícia teve após esta operação bem sucedida em Bragança aponta para o poder de fogo do bando e da experiência com o Estilo Novo Cangaço, como sendo apenas uma ramificação de um grupo criminoso que vem atuando no Norte e Nordeste do País. Com os êxitos em suas investidas criminosas, a cada cidade novos soldados do bando são recrutados e preparados para as missões contra as instituições financeiras em regiões como o interior do Estado do Pará, Maranhão, Piauí, Tocantins e Pernambuco.

Alguns envolvidos com esse tipo de quadrilha possuem passagem ou estão em condição de foragido da Justiça. Isso chegar a um denominador: Ganhar, viver ou morrer.

MÁQUINA AJUDOU A SOMAR


A Polícia Militar 33º Batalhão divulgou que o dinheiro apreendido com parte da quadrilha especializada em roubo a banco no interior do Estado do Pará chega aos aproximados R$ 270 mil reais e que realmente foram roubados da agência Bancária da cidade de Viseu em 06 de novembro deste ano. Entre as notas de R$ 2, 5, 10, 20, 50 e 100 nenhuma estava com marca de tinta o que leva as autoridades policiais de Bragança e do Estado que estavam atrás do bando a crer que as cédulas foram roubadas diretamente do cofre da Agência e não dos terminais eletrônicos.

Além das policiais civil e militar de Bragança, Capanema, Santa Luzia, Cachoeira, Viseu, envolvidas na cassada aos assaltantes, de acordo com o Tenente PM Alexandre do 33 Batalhão, policiais do CIOE E DRCO também investigam o assalto.

EX PRESIDIÁRIO É MORTO A BALA

O sossego da noite de segunda-feira foi interrompido pelos estampidos de disparos de arma de fogo e um pessoa executada. O homicídio com características de acerto de contas foi registrado no interior de Bragança, comunidade do Arauá, distante quatro quilômetros da cidade. A vítima foi identificada José Rafael da Silva Mescouto de 24 anos de idade.

Segundo o Cb Pm Zacarias que acompanhado pelo Cb Pm Michel estiveram no local de crime, Rafael, como era conhecida a vítima, foi executada por pelo menos três tiros. Nos levantamentos com as pessoas que residem as proximidades do local da execução, o silêncio prevaleceu e todos afirmaram não ter visto absolutamente nada.

Segundo o pai da vítima que preferiu não ser identificado, o filho já tinha várias passagens pela polícia e a última vez que saiu do Centro de Recuperação Regional de Bragança foi há dois meses. Dos oito filhos, esse era o que tomou caminho do desgosto, afirmou o genitor de Rafael.

O corpo foi removido para necropsia no Instituto Médico Legal em Castanhal e a Policia Civil instaurou Inquérito para apurar as circunstâncias e autoria do homicídio.

VÍTIMA DO MONSTRO: PETHRUS

A criança meiga e educada raptada e morta pelo psicopata em 19 de abril de 2008. À época do crime, a pequena vítima do carrasco e impiedoso assassino tinha 4 anos de idade e uma vida inteira pela frente. Neto de um dos mais respeitados advogados do Estado do Pará(Dr. Maia), Pethrus Orozco brincava no jardim da casa dos avos quando foi levado para morte.

Foi durante a apresentações das provas e do julgamento que veio à tona uma detalhe oculto durante todos esses anos: Antonio Sérgio Barata pretendia matar o casal de filhos da mulher com quem teve um amistoso relacionamento por causa de está sendo colocado para fora da vida da mãe da pequena vítima. Segundo os Promotores, a irmã de Pethrus chegou a ser convidada pelo assassino, mas não aceitou a deixar a casa dos avos.

os promotores não descartaram a possibilidade da criança ter sido morta conversando com o seu assassino e durante a viagem teria abraçado o psicopata, por ser um menino carinhoso. Sérgio após raptar sua vítima do jardim da casa dos avós da criança levou Pethrus para uma lagoa, após a Vila de Bacuriteua distante de Bragança 10 quilômetros, chamada de Buracão e lá, não se sabe se foi estuprado, uma vez que os exames ficaram comprometidos em decorrência do estado em que o corpo, três dias após sua morte, foi encontrado. O que as autoridades sabem e tem certeza, Pethrus foi morto por ferimentos provocados por arma branca (Faca) e teve o corpo  abandonado pelo assasino.

Segundo um dos tios da vítima, "a espera foi angustiante, mas a Justiça fez Justiça em Bragança, mesmo após essa década de espera e morosidade por conta das artimanhas do acusado que pretendia nunca ser julgado. Parabenizando a postura da defensoria e da promotoria durante do Juri Popular".

CARRO QUEIMADO


Para evitar identificações, como de praxe nestes crimes, o bando deixa para traz, além do pânico e do desespero na população, sempre um veículo utilizado para fuga em chamas ou completamente destruído. O objetivo ganhar tempo e evitar pistas para não deletar os bandidos por meio de digitais deixadas no carro.

DESVALORIZADO


Para chegar aos valores dos cofres de terminais eletrônicos e até da própria agência, o bando teria utilizado maçarico e até explosivos. Mais de um milhão teria sido roubado e parte deste valor ficou para traz em decorrência de ter sido destruída, on que desvaloriza as cédulas. Populares exibiram o dinheiro nas redes sociais.

Enquanto isso, no interior do Município de Viseu nenhum novo relatório a respeito da cassada ao bando que tomou em assalto a Agência do BanPará foi divulgado. As buscas estariam em uma área de mata e as margens do Rio Gurupi. A quadrilha estaria sem água e alimento, mas ninguém confirma absolutamente nada.

RECUPERADA: ESTAVA COM ELES


Uma pequena parte do que foi roubado durante o  assalto contra a agência em Viseu foi recuperada na ação da Polícia no final da manhã desta quinta, 15 de novembro, em Bragança, em um imóvel onde o bando estava malocado no bairro do Riozinho. Cédulas devidamente contadas e separadas em R$ 2, 5, 10, 20, 50 e 100 reais, mas a quantia não foi revelada aos policiais que tiveram que contar o montante para ser apresentado a Delegada Mara na Unidade Integrada de Polícia Civil na Pérola do Caeté.

Segundo a polícia, os bandidos presos nesta quinta-feira, já estariam prontos para deixar a cidade e seguir um outro veículo que teria empreendido fuga momentos antes da chegada da Barca do GTO e demais guarnições da Policia Militar. os suspeitos presos estavam de posse de um carro tipo strada de cor branca com placas de Vigia no Pará.

Tudo que foi apreendido foi apresentado na UIPP de Bragança para os devidos procedimentos. Não houve troca de tiros.


VEÍCULO TAMBÉM FOI RETIDO


Um dos carros que iria dar apoio aos bandidos para deixar a cidade também foi apreendido e está recolhido no pátio da Unidade integrada de Polícia em Bragança, ficando a disposição da Justiça. Não se descartam os serviços de perícias por parte do Instituto Médico Legal (IML) com sede em Belém, com objetivo de chegar as digitais dos suspeitos presos ou ainda em liberdade. O veículo tem placas de Vigia, cidade do Nordeste Paraense e que já foi levantada pelos investigadores de Bragança.

Dentro do carro apenas os pertences dos suspeitos, que foram retirados e apreendidos. O carro Strada Branco QDC 5368 ou foi adquirido com valores roubados da agência bancária ou pertence a um dos suspeitos ou um terceiro envolvido na ramificação da quadrilha no Nordeste do Estado.

Com a fuga do restante do bando a Polícia não descarta que outras cidades estejam na rota de ação da quadrilha de roubo a banco no Estado.

SENTENÇA FOI DADA

A sentença foi lida pela Meritíssima Senhora Juíza Drª Cintia Beltrão para o conhecimento do réu e da grande população ali representada na Sala do Juri, no início da madrugada de quarta-feira, 14 de novembro de 2018, após 15 horas de trabalhos e cansativos depoimentos e de alegações entre defesa e acusação aos sete jurados, cidadãos bragantinos convocados aleatoriamente pela Primeira Vara Cível da Comarca de Bragança e que hoje integram parte desta história da Justiça no município mais antigo do Estado. O, agora condenado, já cumpriu oito (8) anos da pena logo após ter sido apontado como principal suspeito e hoje condenado e acusado do crime.

Durante o julgamento foram ouvidas 28 pessoas, testemunhas, com algumas ausências, mas que não conspiraram para o adiamento ou quaisquer mudança do Tribunal do Juri. Antonio Sérgio Barata da Silva foi CONDENADO A 33 ANOS DE PRISÃO por conta do acumulo de crimes de homicídio e ocultação de cadáver, conforme os termos do Artigo 69 do Código Penal Brasileiro (CPB).

Aos 58 anos de idade, Antonio Sérgio Barata se apresentou de forma bem consciente que o Tribunal do Juri seria de sua maneira e poderia deixar o Fórum da Comarca em Bragança pela porta da frente e inocentado das acusações em seu desfavor. Segundo o Promotor Daniel Barros, o acusado chegou por volta das 08:30 e o cumprimentou, demonstrando que seria uma pessoa do bem e passiva a uma grande perseguição.

Dr. Daniel Barros chegou a apresentar um estudo feito sobre as várias faces de um psicopata. com as performances do acusado durante o julgamento, o Promotor de Justiça mostrou como tudo aquilo era semelhante: Mentiras, dissimulado, maquiavélico, frio, calculista, inteligente e principalmente corajoso. Sergio Barata chegou a afirmar que teria um álibi que poderia inocentá-lo, mas quando confrontado pela acusação, o acusado sorriu e afirmou que sua testemunha não falaria: "É casada Doutor... risos".

A imprensa em Bragança, que acompanhou de perto o andamento do julgamento, por alguns momentos durante o processo foi impedida de produzir imagens do psicopata. Isso se deu a pedido da assistência da Defensoria que estava na defesa de Antonio Sérgio Barata da Silva. Durante o julgamento, no prédio Desembargador Augusto Rangel de Borborema, apesar de todo esquema de segurança montado, nenhum ato de anormalidade comprometeu a integridade física dos envolvidos direto ou indiretamente ao Tribunal do Juri.

Após ter conhecimento de sua sentença, o acusado finalmente foi encaminhado para o Centro de Recuperação Regional de Bragança, localizado na comunidade de Acarajó, distante da cidade Pérola do Caeté cinco (5) quilômetros. Antonio Sérgio, segundo informações não terá privilégios e seria colocados a princípio na triagem e posteriormente encaminhado para um dos pavilhões carcerário onde estão as celas com os demais custodiados.

ORIENTAÇÃO À COMUNIDADE


Garantir o entendimento junto a comunidade bragantina é poder oferecer a boa informação com objetivo de evitar equívocos entre os órgãos prestadores dos serviços essenciais e a própria população, em especial no município de Bragança, no Nordeste do Pará. Na pérola do Caeté, tanto o serviço de Atendimento Móvel de Urgência, quanto o Corpo de Bombeiros sempre estarão em prontidão para atender as chamadas solicitadas pelas famílias, porém devemos entender que as chamadas devem respeitar alguns critérios.

Foi diante desta observação que a Secretaria Municipal de Saúde está trabalhando na divulgação pelas redes sociais e Imprensa parceria da pasta para levar ao conhecimento dos munícipes a informação correta. O trabalho começou durante o início desta semana e deve colher resultados positivos no restante do ano de 2018, quando em Bragança acontecem as tradicionais festas de final de ano com possibilidades de ocorrências em casa e no trânsito.

No post divulgado pela SEMUSB a apresentação das diferenças e encaminhamentos para quem de direito. Confira e repasse a informação para evitar atropelos na hora que possa precisar.

SUSPEITAS: MULHERES PRESAS


Elas foram apontadas como peças fundamentais da quadrilha para o sucesso do assalto em Viseu. de acordo com os primeiros levantamentos das autoridades policiais, cabe as mulheres do bando os levantamentos mais aprofundados dos locais onde o crime será cometido e a garantia da segurança para evitar perdas entre os envolvidos. Chegam antes nas cidades e quando não se hospedam em pousadas e hotéis, alugam casas em regiões periféricas e até chácaras para oferecer a logística ao bando.

Além dos suspeitos, dinheiro e das mulheres, a polícia apreendeu armas, tipo pistolas, carregadores municiados, munições, documentos, aparelhos celulares e outros pertences como peças de roupas, bonés, mochilas  e bolsas que estavam em poder dos bandidos presos em Bragança. Segundo ainda o que informa a Polícia, as peças de roupas, alguns celulares e até munições teriam sido adquiridos após o assalto, quando o bando se organizava para deixar a Região, o que ainda está sendo apurado e deve ser constatado durante os depoimentos que serão prestados pelos presos. a Polícia Federal se desloca para Bragança juntamente com a DRCO e Roubo a banco.


VALOR RECUPERADO PELA PM


O valor recuperado pela Polícia Militar terá sua divulgação nas próximas horas e será entregue as autoridades policiais que estão a frente das investigações e do Inquérito instaurado após o assalto na cidade de Viseu. A experiência dos bandidos é comprovada, uma vez que nenhum dos suspeitos morreu ou feriu de forma mortal algum civil durante o crime colocado em prática na semana passada.

A quantia roubada ultrapassa R$ 1.000,000,00. Um outro grupo de assaltantes conseguiu deixar Bragança. Saiu da cidade antes que a Polícia fosse comunicada pela população que desconfiou da atitude dos homens e principalmente das mulheres no interior da casa no bairro do Riozinho. Buscas foram feitas, mas o restante empreendeu fuga e não foi mais localizado.

As buscas continuam com objetivo de chegar aos demais.

ARMAS DE GROSSO CALIBRE


Segundo o Tenente da PM Alexandre do 33 Batalhão, a lista do que foi apreendido com esta parte do bando segue à baixo:

1 PT 100.40 com a numeração raspada; 1 PT 380. 3 carregadores .40 com 20 munições; 2 carregadores 380 com 20 munições.

3 carregadores de Magal com 70 munições calibre 30; 5 munições calibre 5.6 fuzil.

$ aparelhos celulares, supostamente contendo contatos dos demais suspeitos envolvidos na quadrilha e no assalto em Viseu; Documentos e roupas e outros acessórios. Todos os produtos e valores apreendidos foram encaminhados para os procedimentos na Unidade Integrada de Polícia em Bragança, assim como os suspeitos. Entre os presos um casal que seria proprietário de uma loja aos arredores do Mercado de Carne de Bragança. A mulher seria frequentadora de uma academia da cidade e que já morou no bairro Taira.

Tenha também o seu site. É grátis!